• 15/07/2024

Infokand

Informação e conhecimento para alcançar resultados

Trabalhando com editores de planilhas

Anderson Brito

ByAnderson Brito

maio 30, 2023

Os Editores de Planilhas (ou Spreadsheets) são uma ferramenta extremamente útil para armazenar e manipular conjuntos de dados de maneira organizada, rápida e precisa. Utilizados por empresas, empreendedores, profissionais de contabilidade e muitos outros, esses editores permitem o gerenciamento de total controle de informações básicas ou sistematizadas de forma eficiente.

Muitas vezes referidos como uma das ferramentas mais poderosas do Office Software, os Editores de Planilhas são utilizados em todo o mundo para tarefas simples como inventário, finanças e armazenamento de dados do cliente. Graças às suas funcionalidades aprimoradas, todas estas atividades são realizadas de maneira mais eficaz, simplificando enormemente o processo manual.

Dentre os editores de planilhas mais famosos e utilizados no mercado, destaca-se o Google Sheets. Com seu layout amigável, capacidade de compartilhamento, suporte móvel e diversas funcionalidades, este editor vem ganhando cada vez mais usuários e aplicações. Pensando nisso, a seguir serão abordados tópicos importantes, como características deste editor, usos, exemplos práticos e outros assuntos pertinentes ao tema.

Características do Google Sheets

O Google Sheets possui diversas características únicas que o diferenciam dos demais editores de planilhas e tornam a ferramenta extremamente interessante. Possui um editor de fórmulas avançado que permite ao usuário realizar cálculos mais complexos e projetar tabelas exclusivas. Seus formatos em planilhas permitem que elas sejam facilmente compartilhadas com outros usuários.

Outra característica que o destaca dos demais é a capacidade de compartilhamento, que permite o acesso de vários usuários ao mesmo documento. Assim, é possível trabalhar em conjunto em um mesmo documento, ajustando e alterando informações de forma sincronizada.

Além disso, com o Google Sheets, o usuário tem acesso aos seus documentos de qualquer lugar, já que o editor é totalmente compatível com dispositivos móveis. Por isso, ele é extremamente útil para quem precisa acessar dados importantes ao longo do dia, além de permitir que as informações sejam salvas e sincronizadas automaticamente.

Usos do Google Sheets

Após conhecer algumas das características principais deste editor, vamos conhecer como o Google Sheets pode ajudar em diversas aplicações em empresas e negócios.

A ferramenta pode ser usada para mapear dados e estabelecer metas de gerenciamento de estoque, inventário, contas a pagar e contas a receber. Ela ainda é extremamente útil para acompanhar todas as finanças e contas de um negócio e ajuda a organizar previsões, gráficos de vendas, estimativas de lucro, etc.

Outra aplicação interessante do Google Sheets está na área de recursos humanos. Ela é muito útil para registrar informações de contratação e avaliação de desempenho para os funcionários. Além disso, contribui para otimizar processos de contratações, acompanhamentos de pontos possíveis de serem melhorados, sugestões, planos de desenvolvimento e outras atividades diretamente relacionadas ao desempenho dos funcionários.

Também é possível utilizar o Google Sheets para criar planilhas de trabalho e reuniões. Além disso, ela é extremamente útil como ferramenta de colaboração ao ponto de que co-equipar tarefas e obter um melhor rendimento geral.

Exemplos Práticos

A seguir, listamos alguns exemplos do Google Sheets em diversas aplicações, de maneira prática.

Gestão de Inventário

Vamos começar com a gestão de inventário. Os gestores podem utilizar o Google Sheets para organizar estoques, quantidade de produtos em estoque, fornecedores, dados de pedidos dos clientes, entre outros. Todas estas informações podem ser facilmente atualizadas e compartilhadas com outras pessoas da equipe.

Fluxo de Caixa

O Google Sheets também pode ser usado como ferramenta de controle de fluxo de caixa. Com esta planilha, os gestores podem controlar entradas e saídas, incluindo pagamentos, depósitos, taxas e outros tipos de pagamento.

Programação de Projetos

Muitos projetos demandam muita organização e planilhas são ótimas ferramentas para isto. O Google Sheets é uma das melhores opções pois pode ser acessado de qualquer lugar. Então, a planilha pode ser o local para registrar o progresso, custo, tempo de projetos em andamento e outras informações de forma mais precisa.

Herança de Dados

No Google Sheets, os dados podem ser importados de outras aplicações e ferramentas para permitir a sincronização de informações. Por isso, o editor pode ser extremamente útil para sincronizar todas as informações da sua empresa, reunindo dados de diversos departamentos, como no caso da área de Finanças e RH.

Fundamentos de Análise de Dados

Além do compartilhamento de dados e organização de informações, o Google Sheets também pode servir para realizar algumas análises básicas como gráficos, planilhas Pivot, tabelas cruzadas e outros tipos de análise. Assim, o usuário tem mais opções para interpretar os dados armazenados e usar as informações para tomar decisões baseadas nos resultados.

Embora existam outras ferramentas de edição de planilhas, o Google Sheets se destaca por oferecer diversas características necessárias para englobar todos os requisitos de utilização. Tanto em empresas quanto em negócios, a ferramenta se mostra extremamente útil para atividades como gestão de inventário, controle de fluxo de caixa, acompanhamento de projetos e herança de dados. Além disso, é possível realizar análises dos dados para obter maior conhecimento a respeito do negócio.

Portanto, é possível concluir que o Google Sheets é a opção ideal quando se trata de gerenciamento de dados e informações. Além de oferecer controle e agilidade para os usuários, a ferramenta possui características únicas e permite que a informação seja compartilhada, sincronizada e armazenada de forma segura. Com o Google Sheets, as operações de uma empresa ou negócio ficam mais eficazes e otimizadas, permitindo um melhor controle das atividades e conhecimento a respeito dos resultados.

Considerando que a organização e armazenamento de dados se tornam cada vez mais importantes e, ao mesmo tempo, necessitam de ferramentas que possam atender às necessidades dos usuários, esta ferramenta assume um papel fundamental.

Abaixo encontramos alguns casos de uso de planilhas.

Exemplo 01

Exemplo 02

Para conhecer mais acesse o link abaixo:

https://docs.google.com/spreadsheets

Anderson Brito

By Anderson Brito

Engenheiro de Software com Mestrado que atua na área de TI a quase três décadas. Entusiasta de hardware e conceitos relacionados a IA, Internet das Coisas e Arquitetura de software.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *